Como um Cap Table saudável pode impulsionar o seu negócio!

cap table. cap table saudável. planilha. planilha números. planilha acionistas.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Se você faz parte do universo dos empreendedores, é provável que já tenha ouvido falar sobre o termo cap table.

Mas por que esse conceito é tão relevante para as startups? Quais são os benefícios de se ter um cap table saudável? Mais ainda, quais são os parâmetros utilizados por fundos e investidores para determinar se um cap table é saudável ou não?

Para esclarecer essas questões e muitas outras, leia este post até o final! 

O que é cap table?

Cap table, em verdade, é uma abreviação da expressão capitalization table, do inglês, que significa “tabela de capitalização”. A ideia é que, nesta tabela, sejam apresentadas todas as pessoas que possuem participação em uma empresa, bem como a participação real de cada um deles no negócio. 

Em seu “Dicionário Startupês”, Ana Letícia Rico define que “a tabela de capitalização tende a mostrar a participação acionária em uma empresa e possui duas funções, de refletir a estrutura societária atual da empresa e de simular os movimentos futuros na mesma”. 

Ainda, de acordo com a ACE Startups, aceleradora e empresa de investimentos, o cap table é uma ferramenta que pode fazer toda a diferença na hora de analisar a participação de sócios dentro de uma empresa.

Em resumo, o cap table precisa responder, principalmente, a duas perguntas: “quem tem” e “o que tem” dentro da sociedade? É extremamente importante que isso esteja bem definido e formalizado em prol da saúde financeira e organizacional de uma empresa, de modo, inclusive, a evitar o surgimento de futuros conflitos. 

Também é interessante que a tabela apresente as diluições de capital, o valor do equity em cada uma das rodadas de investimento dos fundadores, investidores e outros proprietários, bem como as garantias, direitos e opções de cada pessoa dentro do negócio. 

Neste ponto, é provável que você esteja pensando “OK, então o Cap table é uma forma de organização interna da minha startup, que pode me ajudar a prevenir conflitos e a compreender quem tirou uma fatia do meu negócio”. 

E a resposta é: sim, mas não apenas isso! Outra vantagem de ter um cap table organizado é atrair o interesse de investidores e aceleradoras, e é disso que falaremos no próximo tópico!

O cap table como forma de atrair investidores

Investimentos são sempre feitos nos empreendedores e não somente na ideia do negócio. Os investidores querem saber quem são os sócios e, principalmente, qual é a participação ativa real dos sócios na empresa. Sendo mais clara, existe uma grande preocupação no sentido de que aqueles que estão no negócio full time, devem ser donos da maior parte dele. 

É claro que não somente isso é levado em consideração sob a ótica dos investidores, mas esteja certo de que esse é um ponto de extrema importância e, se você construir um cap table organizado e saudável, estará aumentando consideravelmente suas chances de atrair investidores. 

Ter um cap table organizado e ser transparente com os investidores é uma forma de facilitar simulações para analisar potenciais resultados de eventuais investimentos.

Construindo um cap table saudável

Apesar de não existir uma receita de cap table saudável, algumas aceleradoras, fundos e investidores criam parâmetros para entender se um cap table é saudável ou não. 

Em relação aos fundadores full time, analisando artigos e palestras dos principais players do mercado, os indicadores considerados costumam ser os seguintes:

cap table. cap table saudavel. parametros cap table saudavel.Outro ponto que os investidores costumam analisar, e que pode afastá-los do seu negócio por representar uma quebra do seu cap table, diz respeito ao equity morto. O equity morto não é bem visto, e pode ocorrer em duas situações: (i) se o proprietário de determinada porcentagem não atua mais ativamente no negócio e/ou; (ii) se o equity foi conquistado sem que fosse investido dinheiro e trabalho.

Por outro lado, a destinação de uma “fatia” da empresa à distribuição de stock options aos colaboradores é bem vista, afinal, as stock options são comumente conhecidas por ser um fator importante para atrair e reter os melhores talentos, além de engajá-los no desenvolvimento e crescimento da empresa. Mas, lembre-se sempre de que qualquer cessão de direitos de participação na empresa precisa ser planejada para evitar problemas no captable. 

É hora de agir!

Dito tudo isso, ficou clara, para você, a importância de se ter um cap table organizado e saudável?

Organize-se! Construa o cap table da sua startup da forma que mais fizer sentido para o seu negócio. Cada empresa possui as suas particularidades, a sua forma de gestão e organização interna, e é exatamente por isso que não existe uma receita de cap table ideal. 

O importante é que você não se esqueça das principais informações que devem constar, que foram elencadas neste artigo, tais como “quem tem” e “o que tem” na sociedade, valor do equity em cada uma das rodadas de investimentos, dentre outras. 

A depender de como anda a organização interna da sua empresa, você perceberá, durante o processo de construção do cap table, que mudanças podem ser necessárias para torná-lo saudável, isto é, para que o seu negócio não aparente ser um mau investimento aos olhos de terceiros. 

Aceitar que mudanças são necessárias, estar aberto a elas e, mais ainda, colocá-las em prática, demonstra que o seu negócio está em constante evolução.

A ideia é eliminar qualquer aspecto que possa, eventualmente, gerar uma visão negativa do seu negócio a investidores. 

A título de exemplo, se você percebeu que a participação dos fundadores full time e efetivamente dedicados ao negócio está aquém do que os indicadores indicam como ideal, pode ser interessante retirar os sócios que não estão full time ou negociar com eles a cessão da maior parte de suas quotas para os sócios full time, em troca de uma Opção de Compra com metas ou requisitos para o exercício, ou qualquer outro gatilho que faça sentido ao negócio. 

Faz sentido? 

Por fim, não se esqueça de manter o cap table da sua startup sempre atualizado, pois é isso que permite que decisões informadas possam ser tomadas (tanto por você, quanto pelos investidores). 

Conte com o apoio de advogados e contadores de sua confiança para construir uma tabela concreta, verdadeira, viável e que não dê margem a duplas interpretações!

A equipe do L&O está à disposição para te ajudar nesse processo. 

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Leia também